Destaques

Insolvências atingem valor mais baixo dos últimos dez anos

O número de insolvências decretadas voltou a diminuir no 4º trimestre de 2017, tendo registado o valor mais reduzido desde 2007 entre períodos homólogos. 

Os três últimos meses do ano consolidaram também um período de três trimestres consecutivos com um saldo processual positivos, ou seja, em que o número de processos especiais de revitalização findos foi superior ao número de processos especiais de revitalização entrados nesse mesmo período.

As estatística da justiça, reveladas na passada segunda-feira pela Direção-Geral de Política da Justiça, mostram que o decréscimo do número de processos de falência, insolvência e recuperação de empresas entrados e pendentes em 2017, acompanhado pelo aumento dos processos findos, vem confirmar a inversão da tendência que se tinha verificado entre 2007 e 2012.

O número de processos pendentes no final do quarto trimestre apresenta uma diminuição face ao valor registado no final do quarto trimestre de 2016 de 11,6%.

Já quanto à duração média dos processos findos no quarto trimestre de cada ano, considerando o tempo decorrido entre a sua entrada e a decisão, verificou-se uma tendência de decréscimo acentuado entre 2007 e 2017 (figura 2). Entre 2007 e 2017 a duração média destes processos passou de nove para dois meses.