Destaques

Estatísticas de Ações Cíveis no 1º Trimestre 2017

Foram revelados os números de ações cíveis no 1.º trimestre de 2017, que revelam um decréscimo de 12,4% face ao 1.º trimestre de 2016 e de 5,7% relativamente ao 4.º trimestre de 2016, devido ao número de ações cíveis findas ter sido superior ao número de ações cíveis entradas.


Considerando os períodos homólogos correspondentes ao 1.º trimestre de cada ano (2007-2017) o disposition time* registado no 1.º trimestre de 2017 é o valor mais reduzido (286 dias).

O saldo processual no 1.º trimestre é o segundo mais favorável de entre os registados nos períodos homólogos, tendo correspondido a menos 11.632 processos.

Finalmente, e considerando o período homólogo anterior, no 1.º trimestre de 2017, verificou-se uma diminuição na duração média das ações cíveis findas de 1 mês, passando de 17 para 16 meses.

* Disposition time:  indicador que mede, em dias, o tempo que seria necessário para concluir todos os processos que estão pendentes no final de um determinado período, tendo por base o ritmo do trabalho realizado nesse mesmo intervalo de tempo, ou seja, o número de processos findos nesse período. 


Documento-Sintese (DGPJ)